05/01/2019 – Notificação de Direito Autoral

05/01/2019 – Notificação de Direito Autoral

CINEMATECA POPULAR BRASILEIRA

Filmografias & Cronologias

05/01/2019 – Notificação de Direito Autoral

[Copyright claim] Your video has been blocked in some countries: “Antes o Tempo Não Acabava (Sergio Andrade e Fábio Baldo 2017) – Drama”

Trailer do filme Antes o Tempo Não Acabava (Sergio Andrade e Fábio Baldo 2017) – Drama bloqueado em 238 países inclusive no Brasil. Censura?.

 

 

O trailer tem por função convidar as pessoas para assistir ao filme, é interesse de todos que participaram do processo de produção, que o trailer circule e circule livremente. Neste sentido a notificação recebida do Youtube chama a atenção pois trata-se da publicação de um trailer oficial de um filme em nosso canal, que se encontra bloqueado em 238 países.

Dos 24 trailers de filmes lançados em 2017 publicados no novo canal da Cinemateca Popular Brasileira, como estudo de uma parte importante de nossa estratégia de navegação no portal em desenvolvimento, 7 tiveram reclamações de direitos autorais resolvidas pela monetização da postagem para os detentores de direitos, somente o do filme Antes o Tempo Não Acabava sofre restrição de exibição.

Apesar de não afetar o canal, ver grifo nosso na transcrição do email recebido, é curioso que um filme que aborda vários aspectos da relação dos povos indígenas do Brasil com a sociedade brasileira não-índia, premiado em vários festivais, porém com contradições e críticas que chegam a dizer que algumas abordagens do filme nenhum antropólogo concordaria, o filme tem seu convite para assisti-lo bloqueado pelo mundo inteiro. Por que será?  Por que em vez bloquear não monetizou? Tem a ver com o conflito que estão vivendo hoje no Brasil os povos indígenas? A imposição deste silêncio, independente da linha e conteúdo do filme, dos erros e acertos culturais apresentados, ajuda para a invisibilidade dos dramas e conflitos reais que vivem os indígenas em nosso país.

Dos três reclamantes de direitos autorais listados na notificação, 2 monetizaram o filme para suas contas no Youtube, o que é bem razoável e por direito, já um deles, [PIAS],  por causa de trecho de nem 1 minuto da música Play It Again Sam, bloqueou o filme em 238 países.

 

 

Texto do email recebido do Youtube traduzido no google tradutor:

“Oi CPB – trailers e filmes,

Devido a uma reivindicação de direitos autorais, seu vídeo do YouTube foi bloqueado em alguns países. Isso significa que seu vídeo ainda está no YouTube, mas as pessoas em alguns países talvez não consigam assisti-lo.

Título do vídeo: Antes o Tempo Acabá (Sérgio Andrade e Fábio Baldo 2017) – Drama
Conteúdo protegido por direitos autorais: sem danos
Reivindicada por: The Orchard Music, [Merlin] PIAS

 Visualizar detalhes da reivindicação

Por que isso pode acontecer

Seu vídeo pode conter conteúdo protegido por direitos autorais.
Os proprietários dos direitos autorais podem optar por bloquear vídeos do YouTube que contenham seu conteúdo.
Precisa de músicas com segurança de direitos autorais?
Ao escolher músicas para seu próximo vídeo, você pode evitar problemas relacionados a direitos autorais escolhendo uma música da Biblioteca de áudio do YouTube. Estamos adicionando novas faixas o tempo todo!
– A equipe do YouTube”

 

 

O vídeo não pode ser reproduzido nos seguintes países: Afeganistão, África do Sul, Albânia, Alemanha, Andorra, Angola, Anguila, Antártica, Antígua e Barbuda, Arábia Saudita, Argélia, Argentina, Armênia, Aruba, Áustria, Azerbaijão, Bahamas, Bangladesh, Barbados, Barein, Bélgica, Belize, Benin, Bermudas, Bielo-Rússia, Bolívia, Bósnia-Herzegovina, Botsuana, Brasil, Brunei, Bulgária, Burkina Fasso, Burundi, Butão, Cabo Verde, Camarões, Camboja, Catar, Cazaquistão, Chade, Chile, China, Chipre, Cisjordânia, Colômbia, Congo, Coréia do Norte, Coréia do Sul, Costa do Marfim, Costa Rica, Croácia, Cuba, Dinamarca, Djibuti, Dominica, Egito, El Salvador, Emirados Árabes Unidos, Equador, Eritréia, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Etiópia, Fiji, Filipinas, Finlândia, França, Gabão, Gâmbia, Gana, Georgia, Gibraltar, Granada, Grécia, Groenlândia, Guadalupe, Guam, Guatemala, Guernsey, Guiana, Guiana Francesa, Guiné, Guiné Equatorial, Guiné-Bissau, Haiti, Holanda, Honduras, Hong Kong, Hungria, Iêmen, Ilha Bouvet, Ilha Christmas, Ilha de Man, Ilha Mayotte, Ilha Norfolk, Ilha Reunião, Ilhas Aland, Ilhas Cayman, Ilhas Cocos (Keeling), Ilhas Comores, Ilhas Cook, Ilhas Falkland (Malvinas), Ilhas Faroé, Ilhas Geórgia do Sul e Sandwich do Sul, Ilhas Heard e McDonald, Ilhas Marianas do Norte, Ilhas Marshall, Ilhas Maurício, Ilhas Pitcairn, Ilhas Salomão, Ilhas Seychelles, Ilhas Svalbard e Jan Mayen, Ilhas Turks e Caicos, Ilhas Virgens (EUA), Ilhas Virgens (Grã Bretanha), Ilhas Wallis e Futuna, Índia, Indonésia, Irã, Iraque, Irlanda, Islândia, Israel, Itália, Jamaica, Jersey, Jordânia, Kiribati, Kuwait, Laos, Lesoto, Letônia, Líbano, Libéria, Líbia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Macau, Macedônia, Madagascar, Malásia, Malauí, Maldivas, Mali, Malta, Marrocos, Martinica, Mauritânia, México, Mianmar, Micronésia, Moçambique, Moldávia, Mônaco, Mongólia, Montenegro, Montserrat, Namíbia, Nauru, Nepal, Nicarágua, Níger, Nigéria, Niue, Noruega, Nova Caledônia, Omã, Palau, Panamá, Papua-Nova Guiné, Paquistão, Paraguai, Peru, Polinésia Francesa, Polônia, Porto Rico, Portugal, Quênia, Quirguistão, Reino Unido, República Centro-Africana, República Democrática do Congo, República Dominicana, República Tcheca, Romênia, Ruanda, Rússia, Saara Ocidental, Saint Pierre e Miquelon, Samoa, Samoa Americana, San Marino, Santa Helena, Santa Lúcia, Santa Sé (Cidade do Vaticano), São Cristóvão e Névis, São Tomé e Príncipe, São Vincente e Granadinas, Senegal, Serra Leoa, Sérvia, Singapura, Síria, Somália, Sri Lanka, Suazilândia, Sudão, Suécia, Suíça, Suriname, Tailândia, Taiwan, Tajiquistão, Tanzânia, Território Britânico do Oceano Índico, Territórios Franceses do Sul, Territórios Insulares dos Estados Unidos, Timor-Leste, Togo, Tonga, Toquelau, Trinidad e Tobago, Tunísia, Turcomenistão, Turquia, Tuvalu, Ucrânia, Uganda, Uruguai, Uzbequistão, Vanuatu, Venezuela, Vietnã, Zâmbia, Zimbábue

DIÁRIO

Atualizando a conversa

Faz mais de um ano que não escrevo no diário da cinemateca, foi um período longo sem registro que espero não deixar mais de registrar as atividades do trabalho. Só agora em meio à pandemia me toquei que o Youtube não havia tirado as anotações dos vídeos, mas só mudado...

08/01/2019 – Filmes Lançados que Circulam Fora dos Catálogos

CINEMATECA POPULAR BRASILEIRA Filmografias & Cronologias 08/01/2019 - Filmes Lançados que Circulam Fora dos Catálogos     Revisando as dinâmicas e rotinas de monitoramento para adequação e sistematização da metodologia de trabalho no portal novo, temos...

05/01/2019 – Notificação de Direito Autoral

O trailer tem por função convidar as pessoas para assistir ao filme, é interesse de todos que participaram do processo de produção, que o trailer circule e circule livremente. Neste sentido a notificação recebida do Youtube chama a atenção pois trata-se da publicação de um trailer oficial de um filme em nosso canal, que se encontra bloqueado em 238 países.

30/12/2018 – Fora do Catálogo

Hoje foi localizado mais um filme que não está listado no catálogo ANCINE. Alguns sites anunciam o lançamento do filme Lévi-Strauss, Saudades do Brasil de Maria Maia em 2006 outros em 2005.

13/12/2018 – As Consequências da Visita a Cinemateca Brasileira

Desde o dia em que visitei a Cinemateca Brasileira, há uns 15 dias atrás, para sondar como conseguir cópia de 15 filmes de longa metragem, que estão em domínio público e não foram publicados na internet, percebi o ineditismo que representa do ponto de vista do acesso o trabalho de monitoramento realizado na Cinemateca Popular Brasileira.

11/12/2018 – Contestação sobre direito autoral do filme O Ébrio

Ontem enviamos uma disputa no Youtube a respeito da situação do filme O Ébrio reclamado pelas Organizações Globo e bloqueado no mundo inteiro a título de direito autoral. Esperamos ter esclarecido a questão e garantido assim a efetividade do status de domínio público que recai sobre esta obra de Gilda Abreu. 

CINEMA BRASILEIRO EM UM CLIQUE

A Cinemateca Popular Brasileira, organizada pelo Armazém Memória a partir de filmes publicados no Youtube, tem por fonte de pesquisa o Dicionário de Filmes Brasileiros (1908-2002) de Antônio Leão da Silva Neto e os catálogos da ANCINE a partir de 2003. Disponibiliza à consulta filmografias de diretores e diretoras, bem como a cronologia dos filmes nacionais por ano de lançamento nos cinemas ou festivais. As playlists podem ser consultadas por gênero, direção e ano, além das mostras e coletâneas organizadas pelo canal. A difusão e acesso à produção cultural e cinematográfica brasileira é fundamental para o avanço de nossa sociedade nas áreas de educação, cultura e direitos humanos.

No acervo da Cinemateca Popular Brasileira estão reunidos atualmente mais de 40% dos filmes nacionais de longa metragem produzidos nestes mais de 100 anos de cinema brasileiro. Dispersos em centenas de canais de usuários do Youtube, ao menos uma vez por ano atualizamos o catálogo, mediante manutenção de links quebrados e varredura no Youtube, para inclusão de vídeos ainda não catalogados no Canal.

ESCLARECIMENTO SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS

A Cinemateca Popular Brasileira em conformidade com a legislação de direitos autorais, só publica em seu canal do Youtube filmes em domínio público ou autorizados pelos detentores do direito autoral, deste modo, os filmes postados em outros canais, que não estejam nesta condição, não são de nossa responsabilidade. 

A relação do portal com os filmes postados por terceiros que aparecem em nossos catálogos e que não estão em domínio público, é estabelecida através de links entre nossas playlist e a página do filme postado em canal de terceiros, cujos responsáveis não possuem nenhum vínculo com o trabalho que realizamos. 

Estes filmes  aparecem em nosso portal e canal do Youtube, enquanto o link de acesso estiver disponível no canal de origem. Caso o link esteja quebrado, o filme não aparecerá em nossas páginas. Só reaparecerá, a medida que outros usuários do Youtube disponibilizem o filme em seus canais e os links sejam trocados durante as manutenções periódicas.

Para mais informações e dados estatísticos consulte nossa política do acervo.

DADOS ESTATÍSTICOS DO PROGRAMA

Filmes reunidos em nosso acervo, através do monitoramento da circulação do cinema brasileiro no Youtube.

CINEMA BRASILEIRO

NUM CLIQUE

 

DIRETORES E DIRETORAS

METRAGENS

Longa   Média   Curta

FONTES

 Dicionário de Filmes Brasileiros - Antonio Leão da Silva Neto (1908-2002)

Dicionário de Filmes Brasileiros (1908-2002)

Catálogos (2002-Hoje)

ACERVO DE FILMES RECOLHIDOS

Localidades em que os filmes foram rodados

Rede de Acesso Local (em estudo)

CINECLUBE

Projeto em estudo.

Criação de um servidor de filmes nacionais.

11/12/2018 – Contestação sobre direito autoral do filme O Ébrio

11/12/2018 – Contestação sobre direito autoral do filme O Ébrio

CINEMATECA POPULAR BRASILEIRA

Filmografias & Cronologias

11/12/2018 – Contestação sobre direito autoral do filme O Ébrio

 

Ontem enviamos uma disputa no Youtube a respeito da situação do filme O Ébrio reclamado pelas Organizações Globo e bloqueado no mundo inteiro a título de direito autoral. Esperamos ter esclarecido a questão e garantido assim a efetividade do status de domínio público que recai sobre esta obra de Gilda Abreu.

Segue o texto da disputa e anexamos aqui ao final um dos recortes de jornal citados:

O Ébrio (Gilda de Abreu – 1946) – Drama 

O direito autoral é regido no Brasil pela Lei 9.610/1998 (Lei de Direito Autoral) e o artigo que trata de obras audiovisuais, leia-se filmes, que é o que nos interessa, é o artigo 44 transcrito a seguir: “O prazo de proteção aos direitos patrimoniais sobre obras audiovisuais e fotográficas será de setenta anos, a contar de 1° de janeiro do ano subseqüente ao de sua divulgação.” Para a lei ver: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L9610.htm

O Filme o Ébrio de Gilda de Abreu foi lançado e teve sua primeira exibição ao público em 28/08/1946 conforme publicado em vários jornais do Brasil, como exemplo apresento o fac-símile do jornal do Commercio do Rio de janeiro desta data na página de anúncios de cinema onde se pode ver o anúncio da estréia e também uma matéria afirmando lançamento de estréia do filme nesta data, ver: ​http://memoria.bn.br/DocReader/364568_13/32184

No semanário Fon Fon publicado em 31/08/1946 é possível ler uma crítica sobre o filme após seu lançamento, ver: ​http://memoria.bn.br/DocReader/259063/120703

E conforme publicado em 25/08/1946 no conceituadíssimo jornal diário Jornal do Brasil podemos ver uma crítica feita pelo jornalista Augusto Maurício, que participou de uma sessão de pré-estréia para a imprensa, ver: ​http://memoria.bn.br/DocReader/030015_06/41530

Portanto este filme encontra-se em domínio público desde 01/01/2017 conforme a legislação brasileira e sendo assim deve haver algum engano ou desinformação sobre a situação do filme.

Venho reafirmar que o canal Cinemateca Popular Brasileira só publica filmes em domínio público ou autorizado por diretores e diretoras e seus herdeiros e o filme o Ébrio encontra-se com status privado no canal aguardando uma definição sobre esta situação para torná-lo público.

Contestação feita dia 10/12/2018 as 2:01 hs.

Página 12 do Jornal do Commercio do Rio de Janeiro de 28/08/1946.

Página 12 do Jornal do Commercio do Rio de Janeiro de 28/08/1946.

DIÁRIO

Atualizando a conversa

Faz mais de um ano que não escrevo no diário da cinemateca, foi um período longo sem registro que espero não deixar mais de registrar as atividades do trabalho. Só agora em meio à pandemia me toquei que o Youtube não havia tirado as anotações dos vídeos, mas só mudado...

08/01/2019 – Filmes Lançados que Circulam Fora dos Catálogos

CINEMATECA POPULAR BRASILEIRA Filmografias & Cronologias 08/01/2019 - Filmes Lançados que Circulam Fora dos Catálogos     Revisando as dinâmicas e rotinas de monitoramento para adequação e sistematização da metodologia de trabalho no portal novo, temos...

05/01/2019 – Notificação de Direito Autoral

O trailer tem por função convidar as pessoas para assistir ao filme, é interesse de todos que participaram do processo de produção, que o trailer circule e circule livremente. Neste sentido a notificação recebida do Youtube chama a atenção pois trata-se da publicação de um trailer oficial de um filme em nosso canal, que se encontra bloqueado em 238 países.

30/12/2018 – Fora do Catálogo

Hoje foi localizado mais um filme que não está listado no catálogo ANCINE. Alguns sites anunciam o lançamento do filme Lévi-Strauss, Saudades do Brasil de Maria Maia em 2006 outros em 2005.

13/12/2018 – As Consequências da Visita a Cinemateca Brasileira

Desde o dia em que visitei a Cinemateca Brasileira, há uns 15 dias atrás, para sondar como conseguir cópia de 15 filmes de longa metragem, que estão em domínio público e não foram publicados na internet, percebi o ineditismo que representa do ponto de vista do acesso o trabalho de monitoramento realizado na Cinemateca Popular Brasileira.

11/12/2018 – Contestação sobre direito autoral do filme O Ébrio

Ontem enviamos uma disputa no Youtube a respeito da situação do filme O Ébrio reclamado pelas Organizações Globo e bloqueado no mundo inteiro a título de direito autoral. Esperamos ter esclarecido a questão e garantido assim a efetividade do status de domínio público que recai sobre esta obra de Gilda Abreu. 

CINEMA BRASILEIRO EM UM CLIQUE

A Cinemateca Popular Brasileira, organizada pelo Armazém Memória a partir de filmes publicados no Youtube, tem por fonte de pesquisa o Dicionário de Filmes Brasileiros (1908-2002) de Antônio Leão da Silva Neto e os catálogos da ANCINE a partir de 2003. Disponibiliza à consulta filmografias de diretores e diretoras, bem como a cronologia dos filmes nacionais por ano de lançamento nos cinemas ou festivais. As playlists podem ser consultadas por gênero, direção e ano, além das mostras e coletâneas organizadas pelo canal. A difusão e acesso à produção cultural e cinematográfica brasileira é fundamental para o avanço de nossa sociedade nas áreas de educação, cultura e direitos humanos.

No acervo da Cinemateca Popular Brasileira estão reunidos atualmente mais de 40% dos filmes nacionais de longa metragem produzidos nestes mais de 100 anos de cinema brasileiro. Dispersos em centenas de canais de usuários do Youtube, ao menos uma vez por ano atualizamos o catálogo, mediante manutenção de links quebrados e varredura no Youtube, para inclusão de vídeos ainda não catalogados no Canal.

ESCLARECIMENTO SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS

A Cinemateca Popular Brasileira em conformidade com a legislação de direitos autorais, só publica em seu canal do Youtube filmes em domínio público ou autorizados pelos detentores do direito autoral, deste modo, os filmes postados em outros canais, que não estejam nesta condição, não são de nossa responsabilidade. 

A relação do portal com os filmes postados por terceiros que aparecem em nossos catálogos e que não estão em domínio público, é estabelecida através de links entre nossas playlist e a página do filme postado em canal de terceiros, cujos responsáveis não possuem nenhum vínculo com o trabalho que realizamos. 

Estes filmes  aparecem em nosso portal e canal do Youtube, enquanto o link de acesso estiver disponível no canal de origem. Caso o link esteja quebrado, o filme não aparecerá em nossas páginas. Só reaparecerá, a medida que outros usuários do Youtube disponibilizem o filme em seus canais e os links sejam trocados durante as manutenções periódicas.

Para mais informações e dados estatísticos consulte nossa política do acervo.

DADOS ESTATÍSTICOS DO PROGRAMA

Filmes reunidos em nosso acervo, através do monitoramento da circulação do cinema brasileiro no Youtube.

CINEMA BRASILEIRO

NUM CLIQUE

 

DIRETORES E DIRETORAS

METRAGENS

Longa   Média   Curta

FONTES

 Dicionário de Filmes Brasileiros - Antonio Leão da Silva Neto (1908-2002)

Dicionário de Filmes Brasileiros (1908-2002)

Catálogos (2002-Hoje)

ACERVO DE FILMES RECOLHIDOS

Localidades em que os filmes foram rodados

Rede de Acesso Local (em estudo)

CINECLUBE

Projeto em estudo.

Criação de um servidor de filmes nacionais.